Xiaomi lança celular intermediário com bateria de 5.500 mAh e até 6 GB de RAM

A fabricante chinesa Xiaomi anunciou um novo smartphone gigante em diversos aspectos: o Mi Max 3 tem uma tela enorme de 6,9 polegadas e ainda conta com uma bateria grande de 5.500 mAh.

Em relação ao display, o aparelho adota tela com proporção 18:9 e resolução Full HD. O design dele ainda elimina quase que completamente as bordas laterais, mantendo um pouco da moldura na parte superior e inferior da parte frontal.

Em relação às especificações técnicas, o Mi Max 3 tem hardware intermediário. O processador é o Snapdragon 636, e ele pode ter até 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno.

A Xiaomi ainda incluiu um sistema de câmera dupla com sensores de 12 megapixels e 5 megapixels na traseira, além de uma câmera frontal de 8 megapixels. A entrada convencional de fones de ouvido é mantida, e o Mi Max 3 ainda tem entrada USB-C, suporte a Bluetooth 5.0 e roda o Android 8.1 com as modificações de software preparadas pela fabricante chinesa.

Já em relação à bateria, é bem provável que os donos do Mi Max 3 não tenham muitos problemas de falta de carga: ela tem 5.500 mAh e suporte a recarga rápida, com a promessa de chegar a 71% de carga com apenas uma hora na tomada.

Por enquanto, o Mi Max 3 só vai ser vendido na China. Por lá, ele vai custar o equivalente a US$ 250 (R$ 970) no modelo de 4 GB de RAM, ou US$ 300 (R$ 1.150) na versão de 6 GB.


Via olhar digital
-publicidade-

Postar um comentário

0 Comentários