Anúncio

Motorola deve lançar quatro versões do Moto G7 no ano que vem


Em 2018, a Lenovo, dona da Motorola, aposentou várias linhas de celulares Moto que haviam sido lançadas em 2017, reduzindo seu portfólio de forma considerável. Em 2019, no entanto, o ritmo de lançamentos deve aumentar consideravelmente, a começar pela linha Moto G, que deve ter um aparelho a mais do que neste ano.

Segundo o jornalista Evan Blass, também conhecido no Twitter como @evleaks, que tem uma reputação incomparável em relação a vazamentos de celulares, no ano que vem serão quatro aparelhos da linha Moto G.

Em 2018, foram lançadas três versões do Moto G. A primeira delas é a simples, sem um “sobrenome”; em seguida vem a versão Plus, que possui configurações e câmera melhores e a última é a Play, mais básica e com configurações inferiores. Em 2019, no entanto, devemos ver a adição de um aparelho chamado Moto G Power.

Tradicionalmente, a Motorola reserva a marca “Power” para smartphones que possuem uma bateria mais parruda do que os outros aparelhos da linha Moto G. Curiosamente, a informação vem logo na esteira de um outro vazamento de uma ficha técnica de um aparelho Moto G7.

As especificações do Moto G7 foram obtidas em um print com a suposta tabela técnica do modelo. O intermediário da Motorola deve contar com um processador octa-core, ainda não especificado, acompanhado por 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno. O sistema instalado será o Android 9.0 (Pie), recém-lançado pelo Google.

Já o conjunto de câmeras do dispositivo deve trazer um sensor duplo na parte traseira, formado por uma lente principal de 16 megapixels e uma secundária de 5 megapixels. Já na parte frontal, há 12 megapixels para selfies. Por fim, há ainda uma bateria de 3.500 mAh, que é relativamente maior do que os 3.000 mAh presente na geração atual.

Via olhar digital
-publicidade-

Postar um comentário

0 Comentários